https://cbpc.org.br/wp-content/uploads/2017/11/1-6.jpg

      Já faz um tempo desde que publicamos o texto “Como ser um bom testemunho nas redes sociais”, e foi escrito visando conscientizar todas as pessoas que se identificam como cristãs. Porém, agora nós sentimos a necessidade de especificar esse assunto no que se refere a influência do líder, que tem uma responsabilidade muito maior em se tratando de alguém ensina, discípula, etc. Se você, que exerce uma liderança dentro da sua igreja em algum nível, é muito importante você ter um cuidado redobrado com o que você expressa, comunica, ou compartilha nas redes sociais. Isso porque está no senso comum de muitas pessoas os seguintes pensamentos “Se meu(minha) líder fez isso, então é porque não tem problema, está certo”; “Se ele(a) falou, tá falado”; “Se ele(a) pode, eu também posso”.

         Percebe o perigo disso? Eventualmente, os seus liderados podem muito bem assumir uma  posição de liderança algum dia, e vão exercê-la de acordo com o exemplo que você deu a elas. Por isso, tenha a consciência de que é bem possível que seus liderados herdem seus defeitos de liderança, pois um mal exemplo seu pode fazer com que eles absorvam o mesmo como se fosse algo bom. E é por esse e muitos outros motivos que a Bíblia nos alerta sobre a prestação de contas que cada um de nós teremos ao fim de nossa vida.

         Meus irmãos, não sejam, muitos de vocês, mestres,sabendo que seremos julgados com mais rigorPorque todos tropeçamos em muitas coisas. Se alguém não tropeça no falar, é um indivíduo perfeito, capaz de refrear também todo o corpo.

Tiago 3: 1-2 NAA

 

Digo a vocês que, no Dia do Juízo, as pessoas darão conta de toda palavra inútil que proferirem;porque, pelas suas palavras, você será justificado e, pelas suas palavras, você será condenado

Mateus 12: 36-37 NAA

 

         É uma palavra bem dura, mas necessária. Isso porque é preciso estar ciente de que ser um líder requer muita sabedoria, e submissão a vontade do pai (Mateus 7: 21-23), além de um mínimo de maturidade na fé. Você quer ser justificado, ou condenado por suas palavras? Então, aplique em sua vida o que está escrito em Romanos 12: 1-2 e renove sua mente, se ofereça em sacrifício vivo. Renda ao Senhor todo pensamento (2 Coríntios 10: 5), peça à Ele que ele te sonde e revele em você se há algum caminho mal (Salmos 139: 24). Porque se você estiver alinhado com a vontade de Deus, no dia do Juizo, você vai ouvir um “Muito bom, servo bom e fiel” (Mateus 25: 21).

          Resumindo, tenha muito cuidado com o que você ensina, e com o tipo de exemplo que você está dando. Antes de compartilhar ou comunicar algo nas redes sociais, reflita sobre o tipo de impacto que isso terá na vida das pessoas que estão no seu alcance de influência. Se você quiser se aprofundar, recomendamos que você leia alguns dos textos anteriores que estarão abaixo para você clicar e acessar, pois o conteúdo deles complementa o que foi dito aqui.

 

“Como ser um bom testemunho nas redes sociais” (Clique aqui)

“O que é a Verdade? Reflexão bíblica” (Clique aqui)